quinta-feira, 1 de maio de 2014

Quartos para irmãos assinados por profissionais do CasaPRO

Dividir o quarto com o irmão não precisa ser uma tarefa tão difícil:  a CAsa PRO selecionou projetos  que trazem boas soluções de marcenaria e organização... vamos a eles?


as arquitetas Helaine Pinterich e Ester Kloss escolheram móveis em laca branca e escada de aço inox. Os detalhes em vermelho dão vivacidade ao ambiente e aparece junto com o amarelo e o rosa no papel de parede estampado de fundo branco.


O destaque deste quarto projetado para irmãos de 6 e 8 anos é o nicho circular. O tapete de nylon permite que a crianças brinquem no chão. Projetado pelos arquitetos Débora Dalanezi e Marcello Sesso. 



Assinado pelas designers Karla Gaby e Boa Muniz, este quarto da Morar Mais por Menos Rios de Janeiro tem como destaque a marcenaria ao fundo que imita o formato de robô – e que recebeu até um adesivo com o tema. Além de armários, uma terceira cama embutida (para a babá ou visitas) se encaixa no painel



O mix de materiais claros e escuros e módulos cheios e vazios compõe este quarto para duas irmãs adolescentes projetado por Débora Dalanezi e Marcello Sesso. Os nichos na parede abrigam quadros e confundem o limite da parede atrás das camas. Tons de lilás e verde predominam no ambiente.



O quarto deste apartamento foi projetado pelos arquitetos Débora Dalanezi e Marcello Sesso para atender dois irmãos gêmeos de 8 anos. A marcenaria foi planejada em nichos que se encaixam e brincam com diversas dimensões. O design disfarça o limite do quarto e dá leveza à cama elevada.



Para atender duas irmãs de 8 e 10 anos, a decoradora Patricia Kolanian Pasquini, projetou um quarto bem feminino: placas de cortiça revestidas com tecido florido cobrem a superfície da parede e permitem que as meninas grudem recados com tachinhas. A escrivaninha é presa diretamente da cabeceira de laca branca.



Apesar de poucos elementos decorativos, este quarto projetado para dois irmãos de 6 e 11 anos ganha personalidade com a bicicleta que parece andar sobre a cama. “O adesivo que cobre toda a parede tem como objetivo dar um tom aventureiro e estimular os esportes”, explicam os arquitetos Marcello Sesso e Débora Dalanezi.